domingo, 28 de maio de 2017

Roberto Requião denuncia: a Lava-Jato está sendo usada para acabar com a soberania brasileira

Charge: Latuff


Em vídeo divulgado, recentemente, o senador Roberto Requião (PMDB/PR) denunciou a participação do governo estadunidense no golpe contra o país. Para ele, a Lava-Jato está sendo utilizada para acabar com os direitos sociais, com a soberania nacional, para transferir o minério brasileiro, o nosso petróleo "para o domínio do capital financeiro e ao interesse norte-americano.


Para o senador, a delação de Joesley (JBS) não foi feita com os procuradores do Brasil. Requião afirma que a delação toda foi montada com o departamento de estado norte-americano. Para ele, "não fosse assim, ele (Joesley) não teria viajado livremente para os Estados Unidos, não estaria vivendo livremente nos Estados Unidos, morando no seu apartamento, sem nenhuma penalidade a mais. Os procuradores do Brasil engoliram o jogo do departamento de estado norte-americano, o que demonstra que toda essa operação [...] está sendo utilizada para acabar com as leis sociais, para acabar com a soberania brasileira, entregar nossas reservas minerais, entregar nosso petróleo ao domínio financeiro e ao interesse norte-americano e, talvez, de outros países, também". 

Roberto Requião não titubeou em afirmar: "Não foi a procuradoria brasileira quem fez o acordo de delação premiada com a JBS. Não há dúvida de que  este acordo foi feito com o departamento de estado norte-americano", encerrou.

O senador também falou sobre a falta de compromisso dos parlamentares brasileiros em aprovar todas as reformas e entregar todo o patrimônio brasileiro sem peso algum na consciência. Para Roberto os parlamentares não se consideram eleitos pelo voto popular, mas pelo dinheiro privado que financiou suas respectivas campanhas.

Abaixo, veja o vídeo que contém a denúncia do senador:


video






Nenhum comentário:

Postar um comentário