sexta-feira, 3 de março de 2017

Sim, sim e sim! Dilma continua sendo uma mulher honesta, uma Presidente legítima e vítima de um golpe!


A mídia bem que tentou jogar lama em cima da Presidenta Dilma usando e abusando da desinformação e da manipulação a partir do vazadouro que são as tais delações na Lava Jato.


A Lava Jato e sua tradicional parceria com a mídia hegemônica tem feito muito mal ao país. Conduções coercitivas arbitrárias, prisões provisórias que se tornam eternas até arrancar uma delação, vazamentos seletivos com alvos políticos claros e a completa destruição da engenharia brasileira, sem a qual não há como ter um projeto de desenvolvimento, gerando milhões de desempregados.

E ontem mais uma vez o circo aconteceu nos vazamentos da delação de Marcelo Odebrecht.

Enquanto o Brasil que busca informação além da mídia tradicional vai tomando contato com um esquema sórdido montado antes da eleição de 2014 para derrubar Dilma em caso de vitória, esquema esse montado em parte dentro do Palácio do Jaburu e que envolve milhões na compra de 140 mandatos que levassem Cunha à Presidência da Câmara, a mídia tentou envolver Dilma nas denúncias de caixa dois eleitoral.

Mas Dilma saiu incólume mais uma vez nas palavras de Odebrecht. "Dilma pediu dinheiro alguma vez?": 'não, não e não!', respondeu o inquirido. Ao contrário de um certo vice -Presidente que organizou um jantar no palácio oficial para pedir grana ao empreiteiro.

Ah, mais Dilma sabia que teria caixa-dois na campanha. Amigos e amigas, eu sei, vocês sabem, a velhinha da esquina sabe que há caixa dois em campanhas, nesse esquema podre de eleições com financiamento empresarial. O próprio Aécio foi acusado agora também pela delação de um empreiteiro de lhe pedir, pessoalmente, 9 milhões 'por fora'.

Vamos deixar de hipocrisia!

Uma coisa é haver caixa dois, o que há até em botequim de esquina, outra coisa é o agente público investido do cargo agir ele mesmo na operação de arrecadar recursos, usando prédio público para isso e tendo como objetivo organizar um golpe na democracia que cassaria 54 milhões de votos para alçar ao poder uma turma de fisiológicos corruptos em parceria com os derrotados eleitorais.

Entra dia e sai dia e Dilma continua a ser uma mulher honesta, digna, legitimamente eleita e vítima de um golpe!

Blog O Calçadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário